jul
26
Quando alguém se preocupa com a sua saúde

Recentemente tive o privilégio de receber uma proposta de parceria do Banco de Saúde, com uma proposta sensacional: espalhar uma vida melhor.

O contexto que estamos vivendo nos conclama a refletir melhor sobre o assunto. Cuidar da saúde e promover a qualidade de vida são projetos viáveis para cada um de nós. Basta querer participar e se engajar no Movimento Espalhe uma Vida Melhor. Você pode contagiar outras pessoas com esta idéia.

Como alguém que oferece ao outro uma prova de algo gostoso, para que experimente e também se delicie, trago para vocês o post 10 atitudes para espalhar uma vida melhor, o qual motivou-me a engajar no projeto.

10 atitudes para espalhar uma vida melhor

1. Seja mais ativo

Mais do que praticar atividades físicas, ser ativo é viver com mais energia e movimento. É levantar-se, usar escadas, caminhar, cultivar atividades de lazer que coloquem o corpo para funcionar e não apenas a mente.

Contagie aqueles que você gosta com suas atividades físicas. Marque um passeio em família. Combine uma caminhada com uma amiga. Arrume um parceiro de malhação. O importante é transformar suas atividades em algo prazeroso e social.

2. Escolha alimentos saudáveis

É possível ter uma alimentação equilibrada sem necessariamente viver de dieta. Tudo começa na escolha de alimentos mais saudáveis para você e para sua família. Abastecer a dispensa e a geladeira com frutas e verduras faz com que todos a sua volta possam alimentar-se melhor.

Buscar entender os grupos de alimentos faz com que as compras tornem-se mais conscientes. Dessa forma você pode começar a observar rótulos e ingredientes de produtos, evitando inimigos da saúde, como as gorduras trans.

Seja um exemplo de alimentação saudável e contagie aqueles a sua volta.

3. Pare de fumar

Tome uma grande atitude para sua vida: pare de fumar! Se você não tem este hábito, vá além: incentive alguém a abandonar o cigarro, informe-se sobre os tratamentos disponíveis, estimule e torne-se um parceiro desta pessoa em busca de uma vida melhor.

Existem diversos tratamentos contra o tabagismo, mas uma das principais armas contra ele é a formação de parcerias contra o hábito de fumar.

4. Faça exames preventivos

Prevenir é melhor do que remediar, já dizia o sábio ditado. Muitas doenças graves são tratadas de melhor forma e até mesmo curadas quando diagnosticadas em seu início.

Por isto, procure informar-se sobre o que você precisa estar atento em cada fase da sua vida. Converse com seu médico a respeito de exames e check-ups necessários para identificar diabetes, colesterol alto, hipertensão, câncer, doenças oculares e outras.

Fique de olho também naqueles que você ama para que estejam em dia com exames preventivos. Cultive a saúde de seus familiares.

5. Vacine-se

As vacinas podem ser consideradas uma das maiores descobertas da medicina. Não deixe de se vacinar para fugir de uma pequena espetada ou devido a boatos.

Espalhe o poder que as vacinas têm de proporcionar saúde. Vacine seus filhos e seus pais contra as doenças específicas de cada idade.

6. Lave as mãos

Parece uma dica simples, mas na verdade é extremamente importante. Uma das melhores formas de evitar epidemias começa com a lavagem das mãos. Esta atitude deve se fazer presente antes de comer ou preparar alimentos, antes e após usar o banheiro, e após contato físico com desconhecidos.

Lembre-se deste hábito e ensine-os aos seus filhos, amigos e familiares.

7. Recicle. Evite o desperdício

Procure sempre oferecer um caminho melhor para os produtos que você não utiliza mais. Seja a favor da reciclagem e incentive seus amigos. Um pequeno gesto ajuda outras pessoas a se conscientizarem e transformam o mundo em um lugar mais agradável.

No caso de alimentos, ao invés do desperdício, procure criar novos pratos. Envolva seus familiares nessa atividade prazerosa. Desperte sua criatividade. Além de ajudar a construir um mundo melhor, você ainda aproveita simples momentos da vida ao lado da sua família.

8. Livre-se do preconceito

Uma das piores faces da doença é o preconceito. São muitas as pessoas que por serem portadoras de alguma doença recebem um tratamento diferenciado em diversos aspectos. Podemos citar a AIDS, o câncer, as doenças mentais graves, dentre outras que são alvos de discriminação.

Conhecer melhor as doenças e condições que afetam as pessoas portadoras é um ótimo remédio contra o preconceito. Busque informações sobre o assunto e estimule outras pessoas a fazerem o mesmo.

Ajude a construir um mundo com mais igualdade.

9. Informe-se

Informação é a porta para uma vida melhor. Buscar conhecimentos sobre uma vida saudável, mas também sobre doenças e tratamentos é importante. O maior responsável pela sua saúde não é seu médico, e sim, você.

Não é preciso que você entenda de diagnósticos ou medicamentos, mas é importante que você tenha consciência sobre como suas atitudes e estilo de vida podem afetar sua saúde, seus tratamentos, enfim, sua vida.

Procure informações de confiança, converse com seu médico e compartilhe seu aprendizado com outras pessoas.

10. Espalhe uma vida melhor

Informação não é nada sem atitude. E nada melhor do que passar adiante uma informação para que se veja brotar uma atitude positiva.

Compartilhe! Uma atitude positiva contagia todos a sua volta. Busque uma vida melhor e leve alguém com você.

Participe e ajude a espalhar



11 Comments

  1. 😆 Antonio,parabéns por nos enviar um texto tão importante,dicas simples,mas que muitas vezes nos passam desapercebidas.Abraços

    Comentário by sandra paula — julho 27, 2009 @ 12:06 am

  2. Antônio,
    são atitudes muito simples que qualquer pessoa pode adotar. Basta querer. Parabéns pelo artigo.

    Abraços

    Comentário by Luiz Antonio Andre — julho 27, 2009 @ 12:24 am

  3. Caro Antônio.

    Primeiramente, tanto o seu blog quanto o da Soninha estão incríveis e com um visual nota dez. Parabéns aos dois, viu?

    Quanto às dicas, é curioso… Hoje mesmo fiz um post no meu blog mencionando exatamente 10 dicas para melhorar nossa qualidade de vida, que querendo ou não, acabou abordando sub-temas como saúde, bem estar, entre outros.

    Quando falamos de “dicas”, muitas das coisas que lemos parecem ultrapassadas, coisas que já estamos cansados de saber. Mas sabe qual é o problema??? É que esquecemos de colocar em prática…

    Por isso, vale sempre a pena lembrar um pouco sobre as coisas boas da vida que, praticando, certamente nos trarão mais bem estar e saúde, tanto física quanto emocional.

    Excelente campanha! Maravilhosa postagem!

    Abraços e até breve…

    Comentário by Viviane Righi — julho 27, 2009 @ 12:42 am

  4. Ótima iniciativa, Pr. Antonio.

    Comentário by Altemar Rocha — julho 27, 2009 @ 12:54 am

  5. Saudações!
    Amigo ATONIO REGLY
    Excelente Notícia!
    Isso demonstra de forma inequívoca o referencial de valores que você têm, e que sempre pautou suas ações. Você merece meu amigo!
    O texto é rico, basta sair da teoria para a prática, é tudo muito simples, cuidar da saúde, e respeitar a vida!
    Parabéns pelo lindo texto!
    Abarços,
    LISON.

    Comentário by LISONN — julho 27, 2009 @ 2:10 am

  6. Salve, mui querido e nobilíssimo Confrade!
    Finalmente pude vir visitá-lo e parabenizá-lo, não só pelo lindo blog, pela linda família, pelas sempre lindas e pertinentes postagens, mas, – e principalmente – pela linda e maravilhosa pessoa que você é, sendo realmente luz para todos os que estão em sua volta! Eu bem sei que você já sabe de tudo isso, mas, gostaria que você soubesse que eu também sei! Quanto ao excelente post, acho que estou em dívida com os intens 1, 4 e 9 rsrsrs Mas prometo que vou continuar me reciclando! Parabéns pela campanha pela vida!
    Eu envio a você e a todos os seus tudo o que houver de melhor em mim!
    Este sempre seu Confrade: Max Costa

    Comentário by Max Costa — julho 27, 2009 @ 3:12 am

  7. São dicas muito importante e fáceis de serem seguidas.
    Ótima iniciativa.

    Comentário by Catarino — julho 27, 2009 @ 2:58 pm

  8. Antonio, que proposta excelente e necessária! Eu acho que de vez em quando merece ser lembrado. Então, sugiro, que há cada (talvez) semestre voce re-publique. É utilidade pública. Bjs

    Comentário by Sissym — julho 27, 2009 @ 9:50 pm

  9. Olá António!

    Essas dicas são boas para qualquer idade, o problema é começar a por em prática…quando há muitas desculpas para ´não fazer…cabe a cada um mentalizar-se que é para o seu bem, para o bem da sua saúde.

    Olha, tenho lá na aldeia uma surpresa para ti. Quando puderes, aparece e diz o que ahsate.
    Bjs Susana

    Comentário by Susana Falhas — julho 30, 2009 @ 4:45 pm

  10. Caro amigo:

    Cá estou eu outra vez para te informar que já sairam os resultados da blogagem “Férias na minha terra”. Quando puderes, vai lá espreitar!

    Abraço, Susana

    Comentário by Susana Falhas — julho 31, 2009 @ 6:02 pm

  11. Saudações Amigo!

    Pai é Pai !
    Pode ser novo, pode ser velho
    Pode ser branco, negro ou amarelo
    Pode ser rico ou pobre
    Pode ser solteiro, casado, viúvo ou divorciado

    Pode ser feliz ou infeliz
    Pode estar aqui ou já ter ido embora
    Pode ter tido filhos ou adotado-os

    Pode ter casa ou morar na rua
    Pode usar terno ou tanga
    Pode ser Deus ou humano
    Pode estar trabalhando ou desempregado
    Pode ser tanta coisa ou simplesmente PAI

    Mas todos, sem faltar um sequer fazem parte da criação.

    Que não só hoje, mas em todos os dias desta vida
    possa ser lembrado como aquele
    que muitas vezes não dormiu
    muitas vezes ficou pensando na comida para levar para casa
    muitas vezes engoliu sapos
    muitas vezes chorou escondido
    muitas vezes gargalhou
    muitas vezes perdeu a hora
    mas nunca deixou de pensar na coisa mais importante da sua vida NÓS!!!!

    Feliz dia dos Pasis

    Autor Desconhecido

    Comentário by Natalino da Silva — agosto 9, 2009 @ 6:47 am

RSS feed for comments on this post.

Sorry, the comment form is closed at this time.