mar
6
Sua marca é deixada nos detalhes

Cada um de nós faz parte da história do planeta. E esta história é composta de detalhes deixados por cada um de nós naquilo que fazemos. Mesmo os maiores destaques têm, em sua história, fatos registrados semelhantes aos que aconteceram conosco.

“Diz um pensamento: “Não importa o que esteja fazendo, faça de maneira especial, porque sua marca é deixada nos detalhes” (desconheço a autoria).

Conta-se que, Abraham Lincoln, quando tomou posse como Presidente dos Estados Unidos, toda a classe dominante americana sofreu um choque. Imagine, um lenhador, filho de sapateiro, assumir a presidência do maior país das Américas.

lincolnblogEste desenho do Presidente Lincoln foi feito pelo Professor Albano, um amigo muito querido aqui do diHitt , o qual tem uma história interessantíssima, assim como do próprio Abraham Lincoln. Leia “Meu encontro com Lincoln“. Se quiser ler mais sobre Lincoln, veja “UM POUCO DE HISTÓRIA“.

Convocado pela classe política, diante das galerias lotadas,  um senador fez uma pergunta sarcástica: “O senhor pretende administrar os Estados Unidos como se fosse uma grande sapataria?… Porque o pai de V.Sª. era um sapateiro, e não tem como negar, pois estou usando um sapato feito por ele!”

Lincoln tranquilamente respondeu: “É bom o senhor trazer a lembrança de meu pai neste momento, pois ele gostaria de estar aqui agora.

Meu pai não era um simples sapateiro, era o melhor sapateiro dos EUA, e quem me comprova isso é o senhor, pois depois de tanto tempo que ele morreu o senhor ainda está usando um sapato feito por ele”. E complementou: “Mas não apenas meu pai foi sapateiro, eu fui lenhador, e depois de um dia exaustivo de trabalho, ainda ia estudar Direito por correspondência, para poder ter o direito de ser Presidente de Vossa Senhoria.”

E concluiu, olhando para a platéia que o assistia: “Orem por mim, para que eu seja tão bom Presidente, quanto o meu pai foi tão bom sapateiro!”.

Há quem tenha vergonha da sua origem, do antepassado pobre ou dos pais que não estudaram, da origem humilde. Ao contrário, deveria orgulhar-se da sua vida construída com dignidade.

Você professor, médico, motorista, gari, balconista, jornalista, mecânico… empreendedor desta vida, com ou sem profissão, homem e mulher, que tanto tem trabalhado para conquistar um lugar ao sol; que tem lutado para dar o melhor para os seus filhos, deve orgulhar-se do trabalho das suas mãos. Tudo o que tem (ou que não tem) é fruto do seu trabalho, da habilidade, do esforço, do suor do seu rosto. Pode dizer com cabeça erguida que não defraudou ninguém, nem acumulou aquilo que não era seu.

Sou filho de um gari, hoje aposentado, com 80 anos, que foi casado com uma costureira (minha mãe já é morta), que muito lutou para que os filhos pudessem estudar. Fui faxineiro, vendi picolé na rua e servi cafezinho no escritório. Orgulho-me dos meus pais; da minha infância sofrida juntamente com meus irmãos, e de tudo o que Deus nos possibilitou conquistar com muito esforço.
Creia! Você que lê este post tem deixado também a sua marca. Marca esta deixada nos detalhes. Não chegamos à Presidência, mas trabalhamos para aqueles que chegaram lá.

(publicado em 04/03/09; republicado devido à perda no banco de dados)



2 Comments

  1. Regly amigo, que lindíssimo blogs vc tem. parabéns pelas mensagens, imagens e organização… É uma pérola a sua página. agradeço-lhe pela oportunidade de ler coisas tão lindas!
    Felicidades para vc e família,
    abraços

    Comentário by Angela Mendez — março 14, 2009 @ 8:11 pm

  2. É preciso comentar, comentar é preciso, porém, o que pode dizer um amador diante da perfeição?! Apenas agradecer – mui honrado – o privilégio de uma alma generosa como a sua, partilhar consigo, tão incontestáveis e belas verdades!
    Que o bom da vida seja o seu confrade!
    Deste seu amigo: max Costa

    Comentário by Max Costa — março 16, 2009 @ 3:13 am

RSS feed for comments on this post.

Sorry, the comment form is closed at this time.